Belão responde a José Ricardo e diz que não faz parte do mundo da contravenção

By -
Dep. Belarmino Lins

Dep. Belarmino Lins

Em reposta a ataques desferidos pelo deputado petista José Ricardo Wendling contra a sua pessoa e atingindo o seu irmão, deputado federal Átila Lins (PSD), na sessão plenária desta terça-feira (8), o vice-presidente da Assembleia Legislativa, deputado Belarmino Lins (Pros), revidou aos ataques e disse que “quem diz o que quer ouve o que não quer”.

Segundo Belão, José Ricardo não soube assimilar as críticas feitas pelo líder do Pros, em aparte ao deputado David Almeida (PSD), às gestões petistas no Palácio do Planalto durante 13 anos. “O Zé Ricardo fugiu do plenário para não me ouvir, ele nega o contraditório, mas com certeza está me assistindo e me ouvindo em seu gabinete, é um deputado fujão”, disparou.

“Eu quero dizer ao deputado fujão que votar a favor do impeachment não é golpe, golpe foi praticado pelo PT nacional contra a nação brasileira com as pedaladas, e eu não tenho familiaridade com a palavra pedalada porque não faço parte do mundo da contravenção penal. Como católico, eu oro todos os dias para que a senhora Dilma Rousseff nunca mais volte à Presidência da República”.

Em defesa do irmão, Átila Lins, Belão disparou: “O Átila votou ‘sim’ ao impeachment como votaram ‘sim’ 367 parlamentares que não pactuaram com os desacertos e os erros do governo Dilma, que recorreu a tudo para se reeleger à custa de enganar a boa fé da família brasileira. No meu aparte a David Almeida, eu listei as boas ações do governo petista e em contrapartida listei também os descalabros desse governo. E eu esqueci de listar o Proama, que foi uma obra financiada pelo Governo Federal”.

O líder do Pros encerrou seu discurso de forma dura ao parlamentar petista: “O deputado fujão vai ter que enfrentar dez eleições para chegar onde chegou o deputado federal Átila Lins, o qual não sai nas páginas policiais. O deputado fujão ataca o governo José Melo e esquece os atos do PT, que tem o rabo preso pelos descalabros praticados em nível nacional. É o sujo falando do limpo, é o sujo falando de quem quer acertar, mas que o Zé Ricardo não quer enxergar”. Finalmente, Belão desabafou: “Sete mandatos meus e dez mandatos do Átila não podem ser comparados às pedaladas do PT, e afirmo que para cada ação negativa do PT nesta ALEAM haverá uma reação forte do deputado Belarmino Lins”.

Mario Dantas