Banzeiro do Belarmino Lins

By -
Dep. Belarmino Lins

Dep. Belarmino Lins

Para o deputado estadual Belarmino Lins (Pros), em boa hora a Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas (ALEAM) aprovou a adoção do orçamento impositivo, tornando-se a 22ª casa legislativa do país a abraçar uma medida que vai determinar como obrigatória a execução das emendas individuais dos parlamentares ao orçamento estadual.

“Depois do grande exemplo que deu ao País ao reduzir o recesso parlamentar de 90 para 45 dias em 2005 e de fazer com que o orçamento legislativo, após ser reduzido para 3.5 voltasse ao patamar de 4.5, a nossa Assembleia aprova agora a PEC do orçamento impositivo, possibilitando aos deputados ajudarem muito mais a capital e o interior do Estado com emendas que vão facilitar a liberação de recursos para a saúde, educação e outras áreas”, disse Belão.

De acordo com ele, a ALEAM agiu em perfeita simetria com o Congresso Nacional, que aprovou o orçamento impositivo em 2015. “É uma prática mais do que democrática e que se fazia necessária principalmente para assegurar investimentos em apoio às demandas das populações interioranas”, sustenta o deputado.

Mario Dantas