Bando é preso com droga avaliada em quase R$ 500 mil vinda de Tefé

By -

Durante a abordagem foram presos Jhonatan de Souza Fatin, 22; Rômulo Albuquerque Pereira, 24; e Jander de Castro de Souza, 26 – Foto: Jander Robson

Aproximadamente 50 quilos de drogas, sendo 40 de skank e 10 de pasta base de cocaína, foram apreendidas neste sábado (20) pelo Departamento de Investigação sobre Narcóticos (Denarc) em conjunto com a Delegacia Interativa de Polícia (DIP) de Manacapuru e a Secretaria-Executiva Adjunta de Inteligência (Seai). Os entorpecentes, avaliados em R$ 400 mil, estavam em uma embarcação oriunda do município de Tefé (distante 523 quilômetros de Manaus). Três pessoas foram presas em flagrantes.

De acordo com a delegada diretora adjunta do Denarc, Tamara Albano, as equipes chegaram aos infratores por meio de uma informação que partiu do Distrito Integrado de Polícia (DIP) de Manacapuru. “Nós estávamos monitorando esse pessoal há cinco dias e ontem (19) tivemos a confirmação de que esses flagranteados estariam na embarcação Dolores Pinheiros, vindo de Tefé, e fariam o transbordo da droga em Manacapuru, então montamos equipes em terra e na lancha para acompanhar a embarcação”, destacou.

Como não houve o transbordo dessa droga em momento algum no rio e nem em Manacapuru, na altura de Iranduba (a 27 quilômetros de Manaus), a embarcação foi abordada pelos policiais. “Quando chegamos em Manaus fizemos a revista minuciosa dos passageiros e das malas que estavam na embarcação e encontramos cinco com aproximadamente 50 quilos de entorpecentes, que seriam distribuídos em pontos de comercialização de drogas na capital”, afirmou a delegada.

Na ocasião, foram presos em flagrantes por tráfico de droga Jhonatan de Souza Fatin, 22; Rômulo Albuquerque Pereira, 24; e Jander de Castro de Souza, 26. Durante depoimento no Denarc, eles relataram desconhecer a origem da droga e disseram que iriam receber R$ 1 mil cada para o transporte. Conforme Tamara, com o trabalho de investigação, a polícia identificou o nome da pessoa que receberia essa droga, mas não revelará para não prejudicar as investigações.

Após os procedimentos cabíveis no prédio da especializada, os três infratores presos em flagrantes por tráfico de drogas, serão encaminhados para a Audiência de Custódia no Fórum Ministro Henoch Reis da Silva, localizado no bairro Adrianópolis, Zona Centro-Sul.  *Portal A Crítica

Roberto Brasil