Avião russo com mais de 200 passageiros cai no Sinai

By -
A maioria dos passageiros eram turistas russos

A maioria dos passageiros eram turistas russos

Um avião comercial da Rússia com 224 passageiros mais tripulação caiu na Península do Sinai, informaram as autoridades egípcias neste sábado (31).

Segundo a agência Reuters, a aeronave, um Airbus A-321 operado pela companhia Kogalymavia, voava do resort Sharm el-Sheikh, próximo ao Mar Vermelho, para São Petersburgo, quando caiu em uma área montanhosa da Península de Sinai. Provavelmente, a maioria dos passageiros eram turistas russos.

Depois de atrasos causados por más condições climáticas, uma equipe de busca e resgate chegou ao local, nas proximidades da região de Hasna, afirmou o ministério da aviação do país. Segundo autoridades que chegaram ao local, o avião ficou “completamente destruído” e é improvável que haja sobreviventes.

O avião russo teria decolado às 5h51 da manhã no horário de Cairo (1h51 no horário de Brasília) e sumido dos radares após 23 minutos, quando voava a 9.400 metros de altura. Ainda não se sabe a causa do acidente, mas, segundo autoridades egípcias, não há sinais de que o Airbus tenha sido abatido ou explodido.

Poucas horas após a queda, o promotor egípcio General Nabil Sadek ordenou que investigadores vão ao local para analisar os debris e descobrir o que acontece. Com informações agências de notícias

Roberto Brasil