“Assembleia cumpre o dever ao aprovar projetos que promovem o desenvolvimento”, aponta Josué Neto

By -
Segundo Josué Neto, os projetos entregues ou em andamento são resultados das votações orçamentárias da Aleam

Segundo Josué Neto, os projetos já entregues ou em andamento são resultados das votações orçamentárias da Aleam

O presidente da Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam), deputado estadual Josué Neto (PSD), reforçou sua avaliação de que o Poder Legislativo tem cumprido seu dever durante a votação de projetos que beneficiam a sociedade, especialmente aqueles voltados para a Educação. Neto falou sobre isso, na manhã desta segunda-feira (14), ao participar da reinauguração da Escola Estadual de Tempo Integral Petrônio Portela, no bairro Dom Pedro II, com o governador José Melo (PROS).

Josué Neto, que no último final de semana percorreu os municípios de Itapiranga, Boa Vista do Ramos e Maués, lembrou que os projetos que hoje estão sendo realizados ou entregues à população – inclusive a reforma da escola Petrônio Portela – foram realizados a partir da votação orçamentária discutida na Assembleia Legislativa e votada pelos parlamentares. O presidente apontou que os debates na Assembleia seguem de forma democrática e visam ao desenvolvimento de todos os segmentos sociais.

Durante a reinauguração, o governador José Melo anunciou que estão sendo construídas mais 23 escolas de tempo integral, sendo 19 no interior, e falou que a expectativa é construir uma unidade desse porte em cada município do Amazonas. José Melo reiterou que apesar, da crise vai investir este ano R$ 325 milhões em obras para a educação e que o tema continua sendo prioridade.

A escola Petrônio Portela, que registrou média de 6,2 no último Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (IDEB), em 2013 e atende 658 alunos do ensino médio, recebeu investimentos de R$ 8 milhões para reforma e ampliação de toda a estrutura para que atenda com qualidade as atividades de tempo integral. As instalações contemplam 20 salas de aula climatizadas, laboratórios de informática, ciências, piscina, auditório para 300 lugares, etc.

Roberto Brasil