Artur Neto anuncia BRT e plataforma tecnológica para a cidade inteligente

By -

“Retorno à esta casa para continuar o diálogo entre o Legislativo e o Executivo”, frisou Artur Neto

Da Redação – Nesta segunda-feira (06), no plenário da Câmara Municipal de Manaus (CMM), o Prefeito Artur Neto (PSDB) emitiu sua mensagem para o exercício 2017, onde destacou a plataforma tecnológica da cidade inteligente e o BRT como solução aos problemas de transporte. O presidente da CMM, Wilker Barreto (PHS), abriu os trabalhos da 16ª Legislatura. Participaram o vice-prefeito Marcos Rotta (PMDB), representantes dos Comandos Militar, Aéreo e Naval, dos Tribunais de Justiça, Eleitoral e de Contas, Procuradores, a Superintendente da Suframa, Rebecca Garcia, vereadores e outros convidados.
Enquanto o Prefeito emitia o seu mensagem representantes de movimentos sociais e estudantis protestavam pelo aumento da passagem reclamando da qualidade do serviço e a demora nas paradas de ônibus.

“Retorno à esta casa para continuar o diálogo entre o Legislativo e o Executivo. O vice-prefeito, Marcos Rotta, goza da minha confiança e já mostrou competência como gestor. No meu terceiro mandato como Prefeito de Manaus vou atuar como sempre nas ruas, enfrentando os problemas, atendendo as demandas. Agradeço a todos que me apoiaram. A eleição passou e agora Manaus exige trabalho. Todos conhecem o cerco que sofremos durante três anos pelo Governo Federal e pese a isto continuamos trabalhando”, disse Artur Neto.

Relatou também da importância nesta gestão de avançar no empreendedorismo e com a Defesa Civil nos trabalhos de atender as demandas, anunciou incentivos à cultura através de um projeto de lei e disse que irá continuar organizando os comerciantes ambulantes do centro.

“No primeiro semestre estaremos revisando as contas dos ex-prefeitos que há muitos anos não foram analisadas”, salientou Wilker Barreto

Atrás de empréstimos nacionais e internacionais

Na área da saúde, o Prefeito de Manaus indicou que a capital está com 60% de cobertura e que pretende chegar a cem por cento. Na área de educação explicou que há muito trabalho a fazer para alcançar os índices desejados para o futuro. “Estamos com o objetivo de realizar mais empréstimos nacionais e internacionais dos bancos e outras instituições publicas e privadas, queremos ampliar as parcerias e buscar dinheiro onde quer que exista para gastar no que seja necessário”, disse.

Referente aos avanços apontou “a plataforma tecnológica ou cidade inteligente que já esta em funcionamento, devera alcançar o seu objetivo final de interligar todas as áreas para que a população acompanhe os trabalhos de forma transparente, teremos mapas que indiquem a situação das obras em andamento, a emissão de alvarás já é uma realidade, tudo será on line”, salientou.

O prefeito de Manaus reconheceu que há necessidade de avançar mais na área social, de saúde e de educação principalmente e que para isso procurará o Governo Federal e governos de outros países. Anunciou uma gestão mais proveitosa que o ano anterior e disse “O BRT será uma realidade porque Manaus precisa de um sistema de mobilidade urbana, haverá ampliação de vias entre outras medidas”.

Saneamento básico será prioridade

“A CMM está preparada. Sempre debatemos temas importantes (mobilidade urbana, legislação dos motos taxistas). Cabe a nós proporcionar aos vereadores um amplo debate. No primeiro semestre estaremos revisando as contas dos ex-prefeitos que há muitos anos não foram analisadas. Nesta terça feira (07) estaremos formando as comissões (20). Será em função dos blocos partidários. Temos grandes temas como o saneamento básico e a drenagem dos igarapés para a segurança da população”, salientou o presidente da CMM, Wilker Barreto, no momento que estava reinaugurando esta casa legislativa.

Transparência e eficácia

“Espero uma Prefeitura rigorosa e transparente dos recursos públicos”, afirmou Chico Preto

“Eu espero uma Prefeitura rigorosa e transparente dos recursos públicos. Não é momento de criar mais cargos políticos ou aumentar a carga tributaria, o povo esta cansado de tantos impostos, é hora de restabelecer a confiança”, disse o vereador Chico Preto (PMN).

“No caso da tarifa do transporte estivemos lutando contra o aumento da passagem e também acompanhando a situação das famílias prejudicadas por conta das chuvas e alagações. Não temos uma informação concreta e transparente dos gastos das empresas de transportes. foi solicitado e novamente aumentaram a tarifa e continuamos sem saber estes dados, perda não houve, então é preciso que se abra a caixa preta do transporte porque senão a suspeita continua sobre a Prefeitura de Manaus”, finalizou. (Mercedes Guzmán)

Roberto Brasil