Arena da Amazônia na Lava Jato

By -

Além de autorizar a abertura de inquéritos contra os senadores Eduardo Braga (PMDB), Omar Aziz (PSD), Vanessa Grazziotin (PCdoB), e pedir que o TRF/1 investigue o prefeito Artur Neto (PSDB), o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Edson Fachin, incluiu a construção da Arena da Amazônia como um capítulo à parte na apuração da Operação Lava Jato. Ele encaminhou o pedido de investigação à Justiça Federal no Amazonas por “irregularidades na obra”.

A abertura de inquéritos no Supremo Tribunal Federal contra figuras de quase todas as bandeiras políticas do País, e que alcança as principais lideranças do Amazonas, caiu com uma bomba em Brasília, ontem. Mas trouxe alívio para parlamentares que fizeram carreira na capital federal.

Silas Câmara (PRB), que está no quinto mandato na Câmara Federal, Pauderney Avelino (DEM), que está no sexto, e Átila Lins (PSD), com sete mandatos de deputado federal, não aparecem na lista de investigados. (Fonte: Portal A Crítica)

Roberto Brasil