Após oferecer ‘rodízio de mulheres’, boate é interditada

By -

boate1

Uma boate que anunciava um “rodízio de mulheres” por R$ 150 foi interditada em Poços de Caldas (MG) por falta de alvará municipal. Segundo a prefeitura, fiscais da secretaria municipal de Serviços Públicos estiveram no local e constataram que a casa noturna não possui as especificações de segurança exigidas pela lei.

O Conselho de Defesa dos Diretos da Mulher se manifestou contra o evento. O proprietário da casa disse que está dentro da lei e que a festa irá acontecer. Em um cartaz que estava sendo divulgado nas redes sociais, a festa era anunciada para o próximo dia 20 de novembro a partir das 20h. Nele é oferecido um “rodízio de mulheres”, em que o cliente pagaria “R$ 150 para entrar e consumiria quantas garotas aguentar”. O cartaz ainda diz que a festa seria “a mais louca e esperada de Poços de Caldas”. Diante da repercussão negativa, a festa acabou cancelada.

Mario Dantas