Amazonino não comparece a debate e Braga afirma não estar surpreso com ausência

By -

Eduardo Braga foi entrevista pelo jornalista José Roberto Burnier (Foto: Orlando Júnior)

Da Redação – Nesta noite de sexta-feira, 25, a população amazonense deixou de assistir ao debate de ideias e propostas entre os candidatos ao governo do Amazonas nos estúdios da Rede Amazônica. O motivo foi o não comparecimento de Amazonino Mendes (PDT), candidato pela coligação “Movimento pela reconstrução do Amazonas”, sob a alegação de que seu adversário político estaria sendo desleal, conforme nota divulgada.

Por outro lado, o candidato pela coligação “União pelo Amazonas”, Eduardo Braga (PMDB), marcou presença e foi entrevistado por vinte minutos pelo jornalista José Roberto Burnier. Braga lamentou a ausência de Amazonino, mas não demonstrou surpresa uma vez que o mesmo não havia comparecido a outros debates em que foi convidado.

A NOTA

Ao longo desta campanha, fui alvo de inúmeros ataques. Enquanto apresentamos nossa proposta para reconstruir o Amazonas e planejar o futuro do nosso Estado, fomos confrontados com inverdades, numa campanha desleal, de baixo nível, promovida pelo meu adversário. Apenas em inserções na rádio e na televisão foram mais de quatro mil ataques. Uma campanha muito diferente da que a população espera ver em um momento tão delicado para o Amazonas. Por tudo isso, e pela certeza de que meu adversário age dessa forma, por acreditar que esta é a única forma de fazer política, fiz uma escolha. Optei por não participar do encontro promovido pela Rede Amazônica. Com um adversário desleal, que faz o jogo sujo da velha política, um debate sincero, honesto e propositivo não é possível.

Amazonino Armando Mendes
Coligação “Movimento pela Reconstrução do Amazonas”

Roberto Brasil

Roberto Brasil