Amazonas fica com tarifa de energia mais cara a partir de amanhã (1º)

By -

A partir de amanhã (1º), as contas de energia elétrica dos consumidores da Amazonas Distribuidora de Energia (Ame) ficará 12,68% mais cara. A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) homologou nesta terça-feira (31) o pedido de reajuste da empresa na 41ª Reunião Pública Ordinária da Diretoria de 2017.

A diretoria da Aneel acatou o índice de Reajuste Tarifário Anual das tarifas da Amazonas Distribuidora de Energia S.A., que passa a valer a partir de 1º de novembro de 2017. “(…) conduz ao efeito médio a ser percebido pelos consumidores de 17,13%, sendo de 25,17% para os consumidores conectados em Alta Tensão (AT) e de 12,68% para os conectados em Baixa Tensão (BT)”, aponta o texto.

A partir de amanhã (1º), as contas de energia elétrica dos consumidores da Amazonas Distribuidora de Energia (Ame) ficará 12,68% mais cara. A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) homologou nesta terça-feira (31) o pedido de reajuste da empresa na 41ª Reunião Pública Ordinária da Diretoria de 2017.

A diretoria da Aneel acatou o índice de Reajuste Tarifário Anual das tarifas da Amazonas Distribuidora de Energia S.A., que passa a valer a partir de 1º de novembro de 2017. “(…) conduz ao efeito médio a ser percebido pelos consumidores de 17,13%, sendo de 25,17% para os consumidores conectados em Alta Tensão (AT) e de 12,68% para os conectados em Baixa Tensão (BT)”, aponta o texto. / Por D24AM

Roberto Brasil