Alunos e professora ganham destaque nacional por utilização de plataforma de ensino

By -

Três alunos e uma professora da rede municipal de ensino de Manaus foram destaque nacional, em publicação da Fundação Lemann, pelos bons resultados na utilização da Plataforma de Ensino em Matemática Khan Academy. A plataforma foi implantada em 64 escolas municipais, de 1° ao 9° ano do ensino Fundamental, por meio de parceria com a fundação formalizada em maio deste ano.

A Khan Academy é divida em fundamentos da matemática e por ano de ensino, assuntos como geometria, as quatros operações, raciocínio lógico, dentre outros, são trabalhados de uma forma bem prática, tornando o ensino da disciplina inovador, interessante e fora dos moldes normais de sala de aula.

Neste primeiro momento, 64 escolas utilizam o mecanismo, beneficiando aproximadamente 7 mil alunos. A meta é que 80% dos alunos de cada unidade escolar utilize os exercícios e tenha, ao menos 1 hora aula por semana dedicada ao uso da ferramenta. Os alunos têm a disposição uma série gratuita de conteúdos interativos de matemática.

A avaliação para verificar como está o acesso dos alunos à ferramenta acontece mensalmente em todas as 150 escolas fazem uso da Plataforma no Brasil e, para alcançar o resultado esperado, o professor e os alunos precisam utilizá-la pelo menos uma vez na semana, realizando todas as atividades propostas.

A professora do 5° ano da Escola Municipal Francinete Rocha Brasil,no Jorge Teixeira, zona Leste, Adelannie da Rocha, destacou-se devido ao comprometimento, acompanhamento e orientação aos alunos na realização das etapas solicitadas pela Plataforma. Para a professora a Khan é uma ferramenta colaboradora no processo de ensino-aprendizagem na disciplina de Matemática e receber esse destaque reconhecido nacionalmente é grande de emoção.

“Sinto-me honrada e ainda nem acredito que recebi esse título. Eu tento seguir todas as propostas que sou orientada junto com os meus alunos, para que as atividades sejam realizadas de forma correta, tornando a aprendizagem uma forma dinâmica, saindo da rotina e tirando o rótulo de que matemática é algo difícil”, disse a professora, que destacou, ainda, o apoio recebido da gestora, da pedagoga da escola e da equipe da Semed.

Já os três alunos da rede que foram destaque no desenvolvimento de impacto (atividades dentro Plataforma), são: Sarah Viana, do 5º ano, da Escola Municipal Cândido Honório Ferreira, bairro Alvorada 2, zona Oeste que desenvolveu os conteúdos de Habilidades Dominadas; Israel Dias, 5º, da Escola Municipal Waldir Garcia, zona Centro-Sul, com Pontos de Energia; e Rissa da Silva, 9º ano, da Escola Municipal Ulysses Guimarães, zona Norte, que foi destaque por tempo de uso da Plataforma.

De acordo com a coordenadora do Khan Academy, Keila Visconti, favorecer ao aluno e ao professor uma progressão em destaque dentro de uma ferramenta nacional é incentivá-los ao uso da plataforma, além de realmente fazer uso das propostas da Khan Academy. “A gente acredita que utilizar esse título de destaque é fazer valer a pena o esforço do professor e do aluno e, principalmente, mostrar que o aprendizado não tem fronteiras e que todas são capazes de aprender e Manaus tem se destacado como referência, superando todos os obstáculos, alcançando resultados brilhantes”, mencionou Keila.

Para chefe da Gerência de Tecnologia Educacional (GTE)da Semed, Aldemira Câmara, os resultados alcançados são fruto de um trabalho que envolve setores da Semed e o empenho dos professores que sempre estão em formação. “Cada vez mais a gente percebe que o professor está qualificado para utilizar essa ferramenta e ele (professor) já está percebendo a melhoria no processo de ensino e aprendizagem do aluno, muitos já mencionaram que as avaliações estão sendo bem mais proveitosas”, afirmou a chefe da GTE.

Roberto Brasil