Alunos do Terra Nova sensibilizam comunidade para descarte correto do lixo

By -

IMG_0799

Alunos do 8º e 9º ano do Ensino Fundamental da Escola Municipal Antônio Moraes, localizada no bairro Terra Nova, zona Norte, provaram que não há idade para se tornar um cidadão consciente e defensor do Meio Ambiente. Na sexta-feira, 13, mais de 75 alunos realizaram uma mobilização alertando os moradores do entorno da escola para a necessidade de dar um destino correto aos resíduos e também para a coleta seletiva de matérias recicláveis, com garrafas pet, papel, alumínio, entre outros.

Ação foi realizada em ação coordenada entre as secretarias municipais de Educação (Semed) e Limpeza Pública (Semulsp). A mobilização contou ainda com a contribuição de associações que trabalham com  coleta seletiva, como o grupo de catadores da Associação de Reciclagem e Preservação Ambiental (Arpa) e a Tumpex, empresa responsável pela coleta do lixo em Manaus.

IMG_0762

“É muito importante atividades como essa que trabalha a conscientização porque acreditamos que a partir delas é possível trabalhar valores e, sobretudo, a cidadania entre os alunos que estão no processo de formação pessoal”, salientou Marco Aurélio, gestor da unidade.

IMG_0757

Durante toda a semana os alunos foram de casa em casa para entregar sacos de lixo e levar informações sobre o correto descarte de lixo. Na quarta-feira, 11, eles retornaram às residências para coletar o lixo reciclável. O material foi levado para a escola, pesado e entregue a Arpa.

IMG_0760

Jardeson Batista, do 8º ano, que participou da mobilização disse que  a atividade foi importante para  absorver conhecimento em relação ao descarte correto do lixo e para compreender que todos devem fazer a sua parte para ter um ambiente limpo. “A ação me ajudou entender o que acontece  quando o lixo descartado em qualquer lugar e, principalmente,  que cada pessoa deve fazer a sua parte para termos um meio ambiente mais limpo”, disse.

IMG_0742

Segundo o coordenador da ação, Francisco Freitas, a mobilização teve o objetivo de sensibilizar a comunidade e, principalmente, tornar os alunos da unidade escolar multiplicadores e disseminadores de boas práticas ambientais.

Mario Dantas