Aluno da Semed ganha mundial de jiu-jítsu esportivo em São Paulo

By -
Ygor (dir.) mostra orgulhoso a medalha conquistado ao lado do irmão Yago

Ygor (dir.) mostra orgulhoso a medalha conquistado ao lado do irmão Yago

O aluno Ygor Baia Filho, 5, do Centro Municipal de Educação Infantil Jean Piaget, Santo Antônio, zona Oeste, conquistou o campeonato mundial de jiu-jitsu esportivo na categoria infantil (peso pena), realizado pela Confederação Brasileira de Jiu-Jitsu (CBJJE), em São Paulo, nos dias 23 a 26 de julho. Aluno da Secretaria Municipal de Educação (Semed), Ygor foi recebido na tarde desta terça-feira, 28, no aeroporto Eduardo Gomes, por familiares, professores e colegas de aula.

Ygor chegou acompanhado da mãe, Luciane Baia, e do irmão mais velho, Yago Baia Filho, 8, que também se tornou campeão mundial no peso galo. Yago é ex-aluno do mesmo Cmei que o irmão estuda. A recepção calorosa por parte dos servidores da escola foi por conta do envolvimento que todos tiveram para que o aluno pudesse participar do campeonato.

aluno-semed-campeonato-mundial-jiu-jitsu_1De acordo com a gestora da unidade de ensino, Arlene Bendaham, em maio a mãe do aluno procurou a direção da escola para informar o interesse de Yago em participar do campeonato mundial, mas não tinha recursos para bancar a passagem e hospedagem dos filhos. Foi quando todos da escola se mobilizaram e realizaram diversas ações para arrecadar dinheiro para o estudante que já tinha sido vice-campeão brasileiro da modalidade.

“Depois do brasileirão, a mãe nos procurou e pediu para que a gente ajudasse e a escola ajudou com feijoada, rifas, varias ações para arrecadar recursos. Eu paguei a inscrição dele, os pais de outros alunos e toda a equipe do Cmei Jean Piaget correram para ajudar. Estamos muito emocionados, pois é uma vitória para nós da escola e para a secretária da Semed, professora Kátia (Schweickardt). Para o prefeito Arthur Virgílio Neto é um presente que a escola está dando de todo o coração”, relatou.

aluno-semed-campeonato-mundial-jiu-jitsu_3A mãe do aluno Ygor, Luciane Baia, contou que foi difícil chegar ao campeonato, mas o resultado compensa todo o esforço.

“É muito bom voltar com o resultado positivo. A competição foi bem difícil, mas eles conseguiram se tornar campeões mundiais. Eu recebi muito ‘não’ nesse trajeto, mas eu não vou desistir. Vou continuar incentivando até onde eles quiserem”, disse emocionada.

Ygor e Yago desembarcaram com as medalhas de ouro no peito. O aluno do Cmei contou como fez para ganhar a luta que lhe deu o titulo mundial. “Eu ganhei do menino puxando a guarda dele, depois subi e ganhei dois pontos. Foi bem legal, muito bom ganhar a medalha de primeiro”, vibrou o campeão.

Os garotos são treinados pelo tio e professor Raimundo Baia Filho, na academia Baia Filho, que pertence à família, localizada no mesmo bairro da escola. Ygor pratica jiu-jítsu desde os 3 anos de idade.

Roberto Brasil