Aleam fará manifesto em apoio ao Exército e em defesa das fronteiras

By -
O manifesto será encaminhado para a Câmara dos Deputados, afirmou Josué Neto

O manifesto será encaminhado para a Câmara dos Deputados, afirmou Josué Neto

Os deputados estaduais do Amazonas decidiram, nesta sexta-feira (23), encaminhar um manifesto ao Governo Federal e ao Congresso Nacional pedindo maior atenção à segurança nas fronteiras brasileiras. A proposta surgiu depois da palestra do general de Exército Theophilo Gaspar de Oliveira, na Sessão Especial realizada no Comando Militar da Amazônia (CMA), que revelou dados preocupantes sobre tráfico de drogas e de animais na Amazônia, imigração ilegal, contrabando, garimpos, etc. Um deles é de que pelo menos 38 milhões de animais silvestres são retirados da Amazônia todos os anos, sem que exista fiscalização suficiente para cobrir os 11 mil quilômetros de fronteira da Amazônia.

O presidente da Aleam, deputado Josué Neto (PSD), informou que o manifesto será encaminhado para a Câmara dos Deputados, Senado Federal e Governo Federal, junto com os dados apresentados pelo comandante Theophilo Gaspar, para tentar sensibilizar parlamentares e a própria União da necessidade de investimentos na segurança de fronteira.

O manifesto foi uma sugestão do deputado estadual Bi Garcia (PSDB) que, assim como os deputados Platiny Soares (PV) e José Ricardo (PT), avaliou que os dados apresentados pelo comandante do CMA precisam ser levados ao conhecimento do governo federal. A sugestão teve o apoio dos 14 parlamentares presentes.

Também participaram da Sessão os deputados: Alessandra Campelo (PCdoB), Abdala Fraxe (PTN), Dermilson Chagas (PDT), David Almeida (PSD), Belarmino Lins (PMDB), Bi Garcia (PSBD), Serafim Corrêa (PSB), Ricardo Nicolau (PSD), Luiz Castro (REDE), Orlando Cidade (PTN), Wanderley Dallas (PMDB).

Segundo Josué Neto o documento será elaborado e assinado por todos os 24 deputados na próxima semana, e os dados apresentados serão alvo de debate na Aleam nos próximos meses.

O manifesto também será encaminhado à bancada parlamentar do Amazonas no Congresso. “Tivemos aqui várias pautas apresentadas, a maioria de questões federais. Mas o que seria do nosso trabalho se nós não tivéssemos a obrigação e a oportunidade de poder levar os problemas do nosso Estado à União? Então estamos dando a nossa contribuição”, disse Josué.

Durante a sessão, os parlamentares destacaram em seus discursos a importância do Exército Brasileiro para o Amazonas, e se mostraram preocupados com os dados apresentados em relação ao tráfico de animais e de drogas, e se colocaram à disposição para cobrar providências do Governo Federal através de seus partidos.

Roberto Brasil