Aleam aprova concessão de medalha ao juiz federal Vallisney Oliveira

By -

A homenagem ao juiz federal é uma propositura do deputado Luiz Castro – Imagem: Reprodução

A Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam) promulgou hoje (4) o Projeto de Resolução 658/17, que concede a medalha Ruy Araújo ao juiz federal Vallisney de Souza Oliveira, por iniciativa do deputado Luiz Castro (Rede), em reconhecimento à notória eficiência do magistrado no combate à corrupção no País.

Amazonense do município de Benjamin Constant, o juiz Vallisney Oliveira, atua na 10ª Vara Federal em Brasília, e vem se destacando pela competência no julgamento de processos da Operação Zelotes e pelo trabalho desenvolvido no âmbito da Operação Lava Jato.

Foi ele que ordenou a prisão de Geddel Vieira Lima, após a descoberta de R$ 51 milhões no apartamento do ex-ministro dos governos Lula (PT) e Temer (PMDB).

O deputado Luiz Castro reafirmou o apoio do seu partido, Rede Sustentabilidade, à Operação Lava Jato e especialmente ao trabalho desenvolvido pelo juiz Valisney Oliveira,

 “È um orgulho termos um magistrado do nível de Vallisney Oliveira”, ressaltou Luiz Castro, lembrando que foi seu aluno no curso de Direito da Universidade Federal do Amazonas (Ufam). Vallisney também leciona na Universidade de Brasília (UnB).

Líder da Rede na Assembleia Legislativa, Luiz Castro reiterou solidariedade ao juiz Sérgio Moro, ao Ministério Público Federal (MPF) e à Policia Federal (PF), diante das ameaças que a força tarefa vem sofrendo por parte de políticos investigados.

De acordo com o deputado, a posição da Rede e de todos que militam no espaço democrático, é de esperança por um País melhor, e de que a Lava Jato continue investigando os casos de corrupção, para que no processe eleitoral  se efetue o que ele denominou de “lava voto”, ou seja, uma renovação no quadro político nacional. 

Roberto Brasil