Adail Pinheiro se entrega à Polícia Civil

By -
Adail Pinheiro se entregou acompanhado do seu advogado Alberto Simonetti

Adail Pinheiro se entregou acompanhado do seu advogado Alberto Simonetti

Da Redação – No início da tarde deste sábado (8), O prefeito de Coari, Adail Pinheiro, entregou-se na Delegacia Geral de Polícia, aqui em Manaus. A apresentação do chefe do executivo coariense à polícia já havia sido anunciada pelo advogado dele, Alberto Simonetti, após pedido de resguardo à integridade física do mesmo.

Segundo informações da assessoria da Polícia Civil, Adail se apresentou ao delegado geral Josué Rocha e depois foi escoltado por políciais para um local ainda não informado, mas que pode ser o Batalhão da Polícia Militar, conforme pedido feito pela defesa do réu.

Na parte da manhã, homens da Força Especial de Resgate e Assalto (FERA) estiverem em Coari, onde realizaram as prisões de mais cinco pessoas acusadas de envolvimento numa rede de exploração sexual infantil.

As prisões foram decretadas ontem (7) pelo desembargador Djalma Martins, após acatar denúncia feita pelo Ministério Público do Estado (MPE/AM) ao Tribunal de Justiça do Amazonas (TJ-AM) pedindo a prisão preventiva do prefeito Adail Pinheiro, do seu chefe de gabinete Eduardo Alves, do secretário de Terras e Habitação Erimar Torres, da funcionária pública Alzenir Cordeiro e dos irmãos Anselmo e Elias Santos, todos transferidos para Manaus./// Roberto Brasil

Redação

A grande maioria da sociedade não acreditava como ainda não acredita que o prefeito de Coari fosse ser preso, todavia, sempre estive convicto que mais cedo ou mais tarde, ele iria pra trás das grades, cheguei a dizer, “quem viver verá” lembram? Pois, bem, aí está o dito e o profetizado.

Até quem enfim, mas, até quando!