Ação social realizada na comunidade do Pau Rosa

By -
 foram disponibilizadas 200 unidades para pessoas sem recursos

Mais de 1,2 mil pessoas do Ramal do Pau Rosa,participaram da ação social

Neste sábado (25) foi realizada uma ação social na Escola Municipal Prof. Neusa dos Santos Ribeiro no Ramal Pau Rosa, a 35 km de Manaus, estrada BR 174, com 200 profissionais da Clínica Vision, o Projeto Amigos Solidários e a Semash. Os serviços foram de oftalmologia, pediatria, dermatologia, psicologia, fonoaudiologia, massoterapia, embelezamento, corte de cabelo e outros.

A empresa Mary Kay atendeu, limpeza de pele e maquiagem, o Instituo Ingrid Guilherme ofereceu atenção em saúde bucal, houve também uma campanha contra a exploração de crianças, brechó, capoeira e música de artistas locais. O secretario da Semsa, Homero de Miranda Leão esteve nesta ação social e destacou o trabalho voluntário dos profissionais da Clínica Vision e dos Amigos Solidários.

P1060494

Foram disponibilizadas 200 unidades para pessoas sem recursos

O coordenador da Semash, Marcos Aurélio Soares informou que o trabalho é realizado em parceria com o Instituto de Identificação Anderson Conceição de Melo e a atenção foi de expedição do RG primeira e segunda vias. “A maior dificuldade é a falta de certidão de nascimento, pois a maioria é do Maranhão, as mulheres são as que mais procuram o serviço, assim como os jovens”. Foram distribuídos impressos sobre a exploração sexual de crianças e adolescentes e deu o alerta para que todos façam denuncia ligando para um Conselho tutelar ou para o número 100.

A coordenadora do Projeto Amigos Solidários, Rosa Alice Nobre de Camargo agradeceu a todos os profissionais, que participaram em benefício da comunidade Pau Rosa e de outras vizinhas, pelo aporte para o evento.

Médicos ao serviço da população

Segundo a estudante de medicina, Karen Rocha, que atendeu na área de dermatologia, os casos mais comuns são manchas de sol, escabiose e câncer de pele, doenças que podem ser evitadas com o uso de proteção solar. Explicou ainda, que a escabiose (coceira) é comum nas crianças, causada pelo ácaro e transmitida de pessoa para pessoa, recomenda-se muito cuidado na higiene e realizar tratamento, no caso das outras doenças, o uso diário de protetor solar, hidratação na pele e lavar o rosto com sabonete adequado (de acordo com o tipo de pele).

P1060521

A doutora Flavia Ribeiro Bivar, informou que os casos são de parasitoses e infecções de das vias aéreas superiores, doenças próprias da infância e frequentes pela falta de tratamento da água. “Embora as crianças tenham vacina atualizada, para evitar estas doenças deve-se usar hipoclorito na água (disponibilizado nas UBS), assim como água filtrada.

“Os casos mais comuns na área de oftalmologia são de catarata e a procura de óculos, por isso foram disponibilizadas 200 unidades para pessoas sem recursos e outras consultas especializadas são encaminhadas para a capital”, salientou o diretor da Clínica Vision, Leonardo Bivar.  (Texto e Fotos: Mercedes Guzmán)

Áida Fernandes