Ação Social dos Amigos Solidários é realizada na comunidade Fazendinha II

By -
Um total de 300 pessoas foram atendidas

Um total de 300 pessoas foram atendidas

Da Redação – Neste sábado (18), na comunidade Fazendinha II, localizada no bairro Cidade de Deus, zona norte de Manaus, os Amigos Solidários realizaram uma ação social disponibilizando serviços de oftalmologia, odontologia, fonologia, psicologia, serviço de identidade, embelezamento, massoterapia, além de palestras educativas. Foram atendidas mais de 300 pessoas e a coordenadora Rosa Nobre agradeceu a todos os profissionais que participaram, em especial à Clinica Vision e o Instituto Ingrid Guilherme, à Professora Leo e à Mary Kay que participaram nesta oportunidade.

amigos-solidarios-fazendinhaII-blogdafloresta 03Os médicos da Clinica Vision, Rodrigo Fonseca e Roberto Naiff Júnior, atenderam no trailer e indicaram que os principais casos referem-se a pterígio – mais conhecida como carne crescida no olho, catarata e problemas de refração tanto nas crianças quanto adultos.

amigos-solidarios-fazendinhaII-blogdafloresta 02De acordo com o Fonoaudiólogo, Edson Diniz, as crianças apresentam dislexia, dificuldade na fala, na voz, na motricidade facial, quadros que prejudicam o aprendizado na escola.Com isso podem adquirir gagueira e apresentar atraso no desenvolvimento da linguagem. Uma das causas para isto acontecer é a vida solitária que levam, sem ter uma motivação por parte dos pais ou uma pessoa adulta. “No caso dos adultos, os problemas apresentados são neurológicos (paralisia cerebral) ou de pessoas da terceira idade com disfasia (após ter sofrido AVC). Depois de avaliadas, as pessoas foram encaminhadas para terapia no Instituto Ingrid Guilherme”, informa o médico.

amigos-solidarios-fazendinhaII-blogdafloresta 07Outro serviço prestado pelo Instituto foi de odontologia. Segundo a Dra. Rosário Angelina da Silva, os atendimentos foram de extração, limpeza e curativo, onde foram atendidas mais de cem pessoas, sendo a maioria crianças. Para a odontóloga, a prevenção feita pelos pais é a mais indicada para qualquer patologia. “Neste caso, olhar a boca das crianças, orientar a escovação correta, sempre após ingerir alimentos, uma boa mastigação antes de engolir. A Limpeza de seis em seis meses, com aplicação de flúor e remoção de tártaro são as mais indicadas”, conclui.

amigos-solidarios-fazendinhaII-blogdafloresta 04Invasões ocasionam insegurança

Depois que a área destinada para Escola, Creche e Quadra Poliesportiva da comunidade foi invadida há quase três meses, várias barracas estão sendo construídas no local. De acordo com os moradores, o Prefeito Artur Neto, vereadores e deputados já estiveram lá para resolver o problema, mas até o momento este só aumenta. Vários vizinhos falaram até da dificuldade em dormirem tranquilamente à noite, por conta dos roubos e do aumento da compra e consumo de drogas neste lugar.

amigos-solidarios-fazendinhaII-blogdafloresta 08O conjunto com mais de seis mil moradores não conta com posto policial nem escola ou creches para as crianças. Segundo o motorista e morador Alessandro Andrade faltam ruas asfaltadas, além de esgoto e água encanada, que segundo ele é consumida sem ter qualidade. Outro problema apontado é a queda de energia e queima de aparelhos por conta da quantidade de gatos pela área invadida e as construções clandestinas. “O transporte público demora muito, as pessoas esperam uma hora pelo ônibus e a única Unidade Básica de Saúde (UBS) atende de forma precária”, salientou.

Supostos policiais assustam moradores e equipe do Blog da Floresta

amigos-solidarios-fazendinhaII-blogdafloresta 05Um incidente por conta de uma denúncia de droga no lugar ocasionou uma forte critica ao trabalho desenvolvido pela Policia Civil, que na área é de responsabilidade do  13º DP, pois apareceram três pessoas com jalecos da PC e trajando bermuda, mas sem qualquer identificação atirando na área da invasão, onde se desenvolvia a ação social. O fato foi duramente criticado pelos moradores e registrado pelo BLOGdaFLORESTA, pois no momento haviam muitas crianças sendo atendidas. “O problema aqui é a forma de abordagem que realiza a Policia Civil, pois parece que para eles todo mundo é vagabundo aqui”, reclamou o morador Eraldo Santana. Na segunda-feira (20), o fato será comunicado ao delegado geral Orlando Amaral para as devidas providências.

amigos-solidarios-fazendinhaII-blogdafloresta 06Após o incidente, a pedido dos moradores, uma guarnição da Ronda no Bairro da 13ª Cicom chegou ao local, mas os supostos policiais civis já haviam se retirado. Segundo o oficial PM Almeida Rodrigues, o tráfico de entorpecentes, furto de celular e invasão a domicilio são os principais tipos de crime no bairro Fazendinha. Existem relatos de que a invasão é ilegal, por conta disso as pessoas tem medo de se identificar e denunciar. (Texto e Fotos: Mercedes Guzmán)

Roberto Brasil