Por -

TCE nega embargo e mantém multa a Adail Pinheiro

O pleno do Tribunal de Contas do Estado do Amazonas (TCE-AM) negou provimento ao embargo de declaração do prefeito de Coari, Adail Pinheiro, e manteve a reprovação das contas do gestor (do ano de 2004) e a devolução aos cofres públicos, entre multas e glosas, no valor de R$ 2,9 milhões....